quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Biblioteca de Barrancos - LIVRO DE DEZEMBRO



Sinopse:
Seara de Vento é uma tragédia belíssima, que exorbita da novelística e da dramaturgia clássicas, para reclamar a tela das obras-primas do cinema – ou o palco giratório.

A VERDADEIRA HISTÓRIA DO NATAL

Nos dias 13 e 14 de Dezembro os alunos do Pré-Escolar e 1º Ciclo dirigiram-se à Biblioteca para ouvirem " A verdadeira História do Natal", dinamizada pela equipa.


No final da história realizaram uma atividade e levaram para cas uma pequena lembrança alusiva a esta quadra festiva.












A Equipa da Biblioteca deseja a todos Boas Festas e Boas Leituras

COMO SER DIFERENTE


No dia 7 de Dezembro, realizou-se na Biblioteca de Barrancos, uma sessão de esclarecimentos sobre o tema “Como é ser diferente?” dirigida aos alunos do 9º ano. Esta sessão foi dinamizada pelo Psicólogo Educacional Carlos Miguel Rodrigues da APPACDM de Moura, a qual decorreu com sucesso.




terça-feira, 6 de dezembro de 2011

DIA INTERNACIONAL DA DEFICIÊNCIA

No dia 3 de Dezembro comemorou-se o Dia Internacional da Deficiência.Neste âmbito, a Equipa da Biblioteca em colaboração com a Equipa do EnsinoEspecial e o Departamento do Pré-escolar preparou a Hora do Conto com histórias,uma canção e actividades alusivas a este tema.Nos dias 25, 28 e 29 de Novembro todas as turmas do Pré-escolar e 1ºciclo se dirigiram à Biblioteca para ouvirem as histórias: “Não faz mal serdiferente” e “O elefante diferente”.



video



A aluna Maria Manuela, orientada pela professora Sílvia, colaborou na actividade do Jardim-de-Infância, com muito empenho e dedicação.




quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Bibloteca de Barrancos - dedica o mês ao escritor alentejano Manuel da Fonseca




Manuel Lopes Fonseca, mais conhecido como Manuel da Fonseca . Nas suas obras, carregadas de intervenção social e política, relata como poucos a vida dura do Alentejo e dos alentejanos.
nasceu em Santiago do Cacém, em 15/10/1911 e faleceu em Lisboa em 11/03/1993. Fez os estudos secundários em Lisboa, tendo se dedicado desde cedo ao jornalismo. Em 1925 publicou num semanário de província os seus primeiros versos e narrativas.Iniciou se em poesia com a colectânea "Rosa dos Ventos" (1940) e na ficção, com os contos "Aldeia Nova" (1942). Ligado ao neo-realismo, evoluiu no sentido de um regionalismo crescente, ligado ao seu Alentejo natal, retratando o povo desta região e a miséria por ele sofrida. Contestatário e observador por natureza, a sua escrita era seguida de perto pela censura.Colaborou em várias publicações, de que se destacam as revistas "Afinidades", "Altitude", "Árvore", "Vértice", "O Pensamento", "Sol Nascente", "Seara Nova", os jornais "O Diabo" e "Diário" e fez parte do grupo do "Novo Cancioneiro".Escreveu, para além das obras referidas, os volumes de poesia "Planície" (1941), "Poemas Completos" (1958), "Poemas Dispersos" (1958), os contos "O Fogo e as Cinzas" (1951), "Um Anjo no Trapézio" (1968), "Tempo de Solidão" (1973), "Crónicas Algarvias" (1986), e os romances "Cerromaior" (1943), e "Seara de Vento" (1958). Colaborou também no jornal "A Capital" em 1986, com as "Crónicas Algarvias". Preparou ainda a "Antologia de Fialho de Almeida" (1984).

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

ACONTECEU NA BIBLIOTECA.........

Protocolo de Cooperação entre a EDIA e o Agrupamento de Escolas de Barrancos

No dia 8 de Novembro, teve lugar na Biblioteca de Barrancos, por volta das 11.30h a cerimónia de assinatura do Protocolo de Cooperação entre o Agrupamento de Escolas de Barrancos e a EDIA. Este tem como foco principal o Parque de Natureza de Noudar e incidirá nas seguintes áreas temáticas:

- Visitas de estudo

- Clube dos Amigos do Lince-ibérico

- Organização de eventos

- Programa de Apadrinhamento

O Agrupamento de Escolas de Barrancos considera que a colaboração com o Parque Natureza de Noudar é importante para a concretização do seu Projeto Educativo, tendo em conta os recursos que dispõe para a realização de atividades educativas de caráter experimental.

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

DIA DA BE

O dia 24 de Outubro foi o dia da BE. Para assinalar este dia a equipa da biblioteca dinamizou a HORA DO CONTO, através da leitura de "UMA HISTÓRIA A CRESCER".


Tratou-se de uma história inventada por todas as turmas do Agrupamento ( no ano letivo anterior, desde o pré-escolar ao 9º ano).


O balanço desta atividade foi bastante positivo, uma vez que contou com a participação de 11 turmas e assim a maioria dos alunos teve a oportunidade de ouvir e ler a história que eles próprios criaram.






domingo, 2 de outubro de 2011

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

VEM VISITAR A NOSSA BIBLIOTECA

Aconteceu na semana de 26 a 30 de Setembro uma visita guiada à Biblioteca de Barrancos, com o objetivo dos novos docentes e alunos conhecerem o espaço.


sexta-feira, 2 de setembro de 2011

terça-feira, 24 de maio de 2011

Algumas imagens da comemoração do 25 de Abril na escola que foi dinamizada na Biblioteca pelo professor Orlando Santos.


quinta-feira, 19 de maio de 2011

concurso "Um leitor é um sonhador"

O Agrupamento de Escolas de Barrancos esteve representado no concurso "um leitor é um sonhador " que se realizou na Direcção Regional do Alentejo, em Évora.

Os alunos presentes foram:

1ºAno - Carolina Peres
2ºAno - Diogo Agulhas
3ºAno - Joana Relhana
4ºAno - Dina Carvalho

A todos, muitos parabéns!!





quinta-feira, 5 de maio de 2011

Comemorações do 25 de Abril

As comemorações do 25 de Abril decorreram na Biblioteca com a palestra do professor Orlando Santos e a exposição de trabalhos dos alunos.








quinta-feira, 7 de abril de 2011

Escritor do mês

José Luís Peixoto


José Luís Peixoto nasceu a 4 de Setembro de 1974 em Galveias, Ponte de Sor. É licenciado em Línguas e Literaturas Modernas (Inglês e Alemão) pela Universidade Nova de Lisboa. A sua obra ficcional e poética figura em dezenas de antologias traduzidas num vasto número de idiomas e estudada em diversas universidades nacionais e estrangeiras. Em 2001, recebeu o Prémio Literário José Saramago com o romance Nenhum Olhar, que foi incluído na lista do Financial Times dos melhores livros publicados em Inglaterra no ano de 2007, tendo também sido incluído no programa Discover Great New Writers das livrarias norte-americanas Barnes & Noble. O seu romance Cemitério de Pianos recebeu oPrémio Cálamo Otra Mirada, atribuído ao melhor romance estrangeiro publicado em Espanha em 2007. Em 2008, recebeu o Prémio de Poesia Daniel Faria com o livro Gaveta de Papéis. Os seus romances estão publicados na Finlândia, Holanda, no Brasil, nos Estados Unidos, entre outros países, estando traduzidos num total de vinte idiomas.


Rita Fernandes, 8ºA

sexta-feira, 11 de março de 2011

Escrito do mês de Março

Rodrigo Guedes de Carvalho


Rodrigo Guedes de Carvalho nasceu em Novembro de 1963, no Porto. É um jor­na­lista e roman­cista por­tu­guês.

É licenciado em Comunicação Social pela Universidade Nova de Lisboa.

Em 1997 recebeu o Prémio Especial do Júri do Festival FIGRA, em França, pela Grande Reportagem “A condição humana”, sobre urgências hospitalares.

ROMANCES

- Daqui a Nada, 1992, Contexto. (A obra venceu o Prémio Jovens Talentos, da ONU. Foi reeditada pelas Publicações Dom Quixote em 2005).

- A Casa Quieta, 2005, Publicações Dom Quixote.

- Mulher em Branco, 2006, Publicações Dom Quixote.

- Canário, 2007, Publicações Dom Quixote.

DRAMATURGIA

- Os Pés no Arame, 2002. (Peça estreada em Lisboa na Sala Polivalente do Hospital Júlio de Matos, encenação de Isabel Abreu).

ARGUMENTOS CINEMATOGRÁFICOS

- Alta Fidelidade, 2000, telefilme da SIC.
- Coisa Ruim, Produção Madragoa Filmes. Sessão Oficial de Abertura do Fantasporto 2006.


Helena 8ºA

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Escritor do mês

José António Afonso Rodrigues dos Santos



José Rodrigues dos Santos é jornalista, escritor e professor de Ciências da Comunicação. Nasceu em Moçambique, em 1964. É agora Director de Informação da RTP e apresentador do Telejornal. Doutorou-se em Ciências da Comunicação com uma tese sobre reportagem de guerra. É autor de 5 livros, um dos quais de ficção. José Rodrigues dos Santos começou a sua carreira como jornalista em 1981, em Macau, trabalhando para a Rádio Macau. Depois de se licenciar em Comunicação Social da Universidade Nova de Lisboa, em 1987 foi trabalhar para a BBC em Londres e voltou a Portugal em 1990, integrando a RTP. De 1993 a 2001 foi colaborador da CNN. José Rodrigues dos Santos ganhou vários prémios académicos e jornalísticos. Venceu o Prémio Ensaio, do Clube Português de Imprensa, em 1986, e American Club of Lisbon Award for Academic Merit, do American Club of Lisbon em 1987. Ganhou o Grande Prémio de Journalismo (do Clube Português de Imprensa, em 1994. Internacionalmente, venceu três prémios da CNN: o Best News Breaking Story of the Year, em 1994, pela história “Huambo Battle”; o Best News Story of the Year for the Sunday, em 1998, pela reportagem “Albania Bunkers”; e o Contributor Achievement Award, em 2000, pelo conjunto do seu trabalho.



Marisa 8ºA

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Novidades...

Um traidor dos nossos


Sinopse

A Grã-Bretanha está mergulhada na recessão.

Um jovem académico de Oxford com tendências de esquerda e a namorada gozam férias durante a época baixa na ilha de Antígua. Aí, cruzam-se com um milionário russo chamado Dima, dono de uma península e de um relógio de ouro cravejado de diamantes, que tem uma estranha tatuagem no polegar direito.

Desafiados por ele para uma partida de ténis, os jovens amantes ver-se-ão lançados numa tortuosa viagem que os levará a Paris, a uma casa nos Alpes suíços e aos obscuros claustros da City de Londres, onde serão confrontados com a perversa aliança desta com os Serviços Secretos britânicos.

Elisa e Rita 8ºA

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Novidades...

Desejo Insaciável


Sinopse:

Um guerreiro mítico que tudo enfrentará para a possuir…

Depois de sofrer anos de tortura às mãos da horda vampírica, Lachlain MacRieve, líder do clã de lobisomens, está furioso. Ele descobriu que a companheira, que lhe estava predestinada e pela qual esperou um milénio, é uma vampira. Ou meia vampira. Emmaline é pequena, etérea, meio valquíria, meio vampira, mas de certo modo acalma a fúria que arde dentro dele.

Uma vampira enredada na sua mais selvagem fantasia…

Emmaline Troy sempre foi protegida e, finalmente, partiu à descoberta da verdade sobre os pais, até que um poderoso lobisomem a reclama como companheira, forçando-a a regressar com ele ao seu castelo na Escócia. Lá, o medo face ao seu raptor e aos seus obscuros desejos cedem lentamente perante uma corte sedutora que a fará aperceber-se dos seus anseios mais secretos.

Um desejo que tudo consome…

Mas um mal antigo do seu passado reaparece… Será que o seu desejo consegue levar um guerreiro orgulhoso a render-se e a transformar uma criatura gentil e frágil na guerreira que ela nasceu para ser?

Margarida 8ºA

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Novidades...

O Anjo Branco

A vida de José Branco mudou no dia em que entrou naquela aldeia perdida no coração de África e se deparou com o terrível segredo.

O médico tinha ido viver na década de 1960 para Moçambique, onde, confrontado com inúmeros problemas sanitários, teve a ideia de criar um serviço revolucionário: o Serviço Médico Aéreo.

No seu pequeno avião, José cruzava diariamente um vasto território para levar ajuda aos recantos mais longínquos da província. O seu trabalho depressa atraiu as atenções e o médico que chegava do céu vestido de branco transformou-se numa lenda no mato.

Mas a guerra colonial rebentou e um dia, no decurso de mais uma missão sanitária, José cruzou-se com aquele que se tornou o mais aterrador segredo de Portugal no Ultramar.

Inspirado em factos reais e desfilando uma galeria de personagens digna de uma grande produção, O Anjo Branco afirma-se como o mais pujante romance jamais publicado sobre a Guerra Colonial – e, acima de tudo, sobre os últimos anos da presença portuguesa em África.

Isabel 8ºA

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Escritor do mês


Luis Sepúlveda é um escritor, realizador, jornalista e activista de nacionalidade chilena. Nasceu em Ovalle, no Chile, em 4 de Outubro de 1949. Reside actualmente em Gijón, na Espanha, após viver entre Hamburgo e Paris.

Bibliografia: As Rosas de Atacama; Contos Apátridas; Diário de um Killer Sentimental; Encontro de Amor num País em Guerra; O General e o Juiz; História de uma Gaivota e do Gato que A Ensinou a Voar; Histórias do Mar; Mundo do Fim do Mundo; Nome de Toureiro; O Velho Que Lia Romances de Amor; Patagónia Express; O Poder dos Sonhos; Os Piores Contos dos Irmãos Grim; Uma História Suja; Crónicas do Sul; A Lâmpada de Aladino.

Na biblioteca podemos encontrar os seguintes livros: